top of page
  • Foto do escritorNathan Wallauer

Plaquetas de Patrimônio e sua importância

Plaquetas de patrimônio são placas de identificação que contêm informações sobre um determinado ativo, como número de patrimônio, descrição, marca, modelo, localização, valor, data de aquisição, entre outras informações relevantes para o controle patrimonial. Essas plaquetas são fixadas fisicamente nos ativos e ajudam a identificar e rastrear o uso e a localização de cada item.


As plaquetas de patrimônio podem ser feitas de diferentes materiais, como alumínio, aço inoxidável, poliéster, vinil ou plástico, e podem ser personalizadas de acordo com as necessidades de cada empresa. Elas podem ser numeradas sequencialmente ou codificadas com códigos de barras ou QR codes para facilitar a identificação e o rastreamento dos ativos.


O uso de plaquetas de patrimônio é uma prática comum em empresas de diferentes setores, especialmente aquelas que possuem um grande número de ativos, como equipamentos, veículos, máquinas, ferramentas, entre outros. Elas ajudam a garantir um controle efetivo dos bens patrimoniais da empresa, reduzindo perdas, furtos e extravios, e permitindo um melhor gerenciamento do patrimônio e dos custos operacionais.


Uma tecnologia bastante utilizada na atualidade são as famosas placas contendo chips de radiofrequência (RFID).


Tecnologia RFID

RFID é a sigla em inglês para "Radio Frequency Identification" (Identificação por Radiofrequência, em português). Trata-se de uma tecnologia de identificação automática que permite a leitura e o armazenamento de dados em etiquetas ou tags que contêm um chip eletrônico e uma antena, capazes de se comunicar com dispositivos leitores por meio de ondas de rádio.


As tags RFID podem ser fixadas em objetos ou produtos e contêm informações como códigos de identificação, números de série, datas de fabricação e validade, entre outros dados relevantes para o controle de estoque, logística, gestão de ativos e outras aplicações. As informações contidas nas tags podem ser acessadas remotamente por dispositivos leitores, sem a necessidade de contato direto com o objeto ou produto.


A tecnologia RFID é amplamente utilizada em diferentes setores, como varejo, logística, transporte, saúde, indústria, entre outros. Ela oferece diversos benefícios, como redução de erros e perdas de estoque, aumento da eficiência e produtividade, melhoria na rastreabilidade e segurança dos produtos, entre outros.

Commenti


bottom of page